Rio Ferdinand revela a única vez em que Sir Alex Ferguson se passou com Cristiano Ronaldo

Depois do esperado regresso de Cristiano Ronaldo a Old Trafford, a expectativa sobre o que o Manchester United vai fazer esta época continua a aumentar.

50€ BOAS VINDAS ⤵️
50€
BÓNUS BOAS VINDAS NOVOS CLIENTES
5,0 rating
5.0
Aplicam-se Termos e Condições
Consultar os termos e condições no site da marca.

Sempre com a mesma fome de ser a melhor versão de si próprio todos os dias, Ronaldo confia em outro dos seus antigos companheiros de equipa Ole Gunnar Solskjaer para quebrar barreiras e manter os padrões elevados para o clube competir por títulos durante as próximas “três ou quatro temporadas”.

O jogador de 36 anos trabalhou sob numerosos treinadores para cada um dos seus quatro clubes profissionais, sendo que alegadamente não se deu de forma incrível com Rafael Benitez no Real Madrid ou com Maurizio Sarri na Juventus. Algumas fontes dizem que isto se deveu ao facto de estes treinadores o tratarem como um “jogador normal”, sendo que Ronaldo precisa de se sentir amado e especial.

A verdade é que um homem que certamente soube lidar com Cristiano Ronaldo foi o Sir Alex Ferguson. A maioria das fotografias dos dois mostra claramente que o astro português viu o treinador como uma figura paternal, tanto que dedicou a Ferguson o seu regresso ao clube. Ainda assim, isto não significa que ele não tenha escapado ao seu infame tratamento mais severo…

Rio Ferdinand que conquistou vários títulos da Premier League e uma Liga dos Campeões da UEFA ao lado Ronaldo recorda um momento do português muito caricato.

Durante a época 2005/2006, o United viajou para Lisboa porque ia jogar a casa do SL Benfica, num jogo para a contar para o Grupo D da Liga dos Campeões em que era obrigatório ganhar. Como Ronaldo tinha sido jogador do Sporting CP, estava particularmente interessado em dar um espetáculo, recorda Ferdinand:

“O jogo tornou-se o espetáculo de Cristiano Ronaldo. Ele estava a tentar mostrar as suas capacidades e nada lhe estava a sair bem. Perdemos o jogo e depois o treinador destruiu-o absolutamente. Ele disse-lhe algo como: ‘A jogar sozinho? Quem é que tu pensas que és?’“.

A verdade é que o raspanete parece ter resultado na perfeição, pois foi uma lição honesta que ele aceitou. O impacto que Sir Alex Ferguson teve no regresso de Ronaldo ao United foi certamente um fator de peso.

Achas que o Manchester United tem hipóteses de vencer a Liga dos Campeões?

INFORMAÇÃO DESPORTIVA
© Copyright 2020 desporto365.com | Contacto: fdm.mediapt[at]gmail.com | Política de Privacidade