Samaris a caminho do FC Porto? Vieira já foi avisado…

A seis dias do fecho da janela de transferências de janeiro adensa-se o mistério em torno do futuro de Andreas Samaris, que desde o dia 1 de janeiro é livre para definir o seu futuro, podendo então assinar contrato livremente com qualquer outro clube sem que o Benfica seja ressarcido por isso – Samaris, recorde-se, foi contratado no verão de 2014 ao Olympiakos a troco de €10 milhões.

O presidente do clube da Luz, Luís Filipe Vieira, que ofereceu a Samaris a possibilidade de renovar por verba idêntica à que este já aufere, e que o internacional helénico rejeitou, até já foi alertado para a possibilidade de Samaris poder vir a mudar-se para o FC Porto na próxima época, por forma a poder continuar a viver em Portugal, onde se sente muito bem com a família.
Este cenário de mudança para o Dragão ganha consistência sabendo-se que Samaris é jogador raçudo, trabalhador, características que encaixam que nem luva no perfil dos dragões, e também à luz das múltiplas ofertas que o grego recusou desde janeiro de 2017, de China, Rússia ou Inglaterra, todas melhores no plano financeiro.

Mas a mais atrativa de todas, nesse particular, surgiu no verão passado e a recusa de Samaris em mudar-se para o Al Hilal com Jorge Jesus, auferindo €3 milhões livres de impostos por época, praticamente o dobro do que aufere na Luz, não deixou de causar alguma estranheza, embora os motivos invocados pelo jogador, que tinha sido pai há pouco tempo e planeava voltar a ser – a mulher espera já novo rebento, agora um rapaz – preferindo manter-se por Portugal, tivessem sido compreendidos na estrutura dos encarnados.

A troca de Rui Vitória por Bruno Lage no comando técnico do Benfica alterou, todavia, o contexto à volta de Samaris, que com a lesão de Fejsa voltou a ganhar minutos, decisão que deixou subjacente que Lage prefere o médio grego a Alfa Semedo no lugar do médio sérvio, isto quando com Rui Vitória o internacional helénico praticamente perdeu protagonismo de águia ao peito.
newcastle em cena

O Newcastle, entretanto, voltou à carga por Samaris e terá apresentado proposta de meio milhão de euros para o levar já, oferecendo ao médio vencimento incomparavelmente melhor ao que ganha agora. Os próximos dias deverão trazer mais luz a esta questão.

Fonte: abola.pt

O que Sir Alex Ferguson disse a Jesse Lingard, que tinha 16 anos de idade na altura, é a definição de classe

Cão evita um golo e torna-se um verdadeiro herói