Acidente de viação de jogador sul-coreano provoca vítima mortal

Lee Chang-min, de 24 anos, estava a conduzir na ilha de Jeju, a maior do país, quando cruzou o traço que separa as vias e embateu num automóvel que seguia no sentido inverso, de acordo com as informações disponibilizadas pelas autoridades.

Um passageiro da outra viatura, de 68 anos, morreu no local, com o condutor e outro passageiro a ficarem gravemente feridos.

O jogador, que atua no Jeju United, da primeira divisão sul-coreana, foi interrogado e “admitiu ter cruzado o traço central na estrada, mas confirma-se que se encontrava sóbrio”, disse um agente à AFP, que adiantou que não se sabe ainda se o futebolista conduzia em excesso de velocidade.

Com sete internacionalizações na seleção principal sul-coreana, atualmente comandada pelo técnico português Paulo Bento, Lee Chang-min participou na equipa olímpica que foi ao Rio2016.

Este artigo foi publicado originalmente no SAPO Desporto


 

 

Vendidos 45 mil bilhetes para Mundial de futebol feminino

Prata no concurso completo de trampolins foi furto de esforço grandioso